Importância ecológica dos morcegos

morcego-lua_thumb

Hoje em dia ainda há muitas pessoas que possuem preconceito contra os morcegos (quirópteros – ordem Chiroptera). Muitos sentem medo, nojo, se assustam e acabam matando esses animaizinhos que são tão importantes para manter o equilíbrio da natureza.
Resolvi escrever um post dedicado aos morcegos para esclarecer um pouco sobre a natureza deles e seus inúmeros benefícios pra natureza e para o próprio homem. Assim, trago um pouco mais de informação e quem sabe mudo um pouco o conceito que as pessoas têm sobre eles.

A classificação científica dos morcegos é:

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Infraclasse: Placentalia
Ordem: Chiroptera

Dentro dessa ordem estão duas subdivisões, a subordem Megachiroptera (raposas voadoras) e a subordem Microchiroptera que são os morcegos propriamente ditos.  Os morcegos representam 1/4 de todas as espécies de mamíferos do mundo!
Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, os morcegos não se alimentam somente de sangue, aliás, é apenas uma ínfima parte deles. A dieta dos morcegos varia com as espécie e o lugar em que habitam, podendo ser de néctar, pólen, frutos, folhas, sementes, insetos, pequenos vertebrados, peixes e sangue.
Cerca de 70% são insetívoras!!! Ou seja, se alimentam de insetos! O restante é praticamente frugívoro, e que se alimentam também de néctar, sementes e etc. Somente 3 espécies são hematófagas, ou seja, que se alimentam de sangue. Apenas 3 de pelo menos 1.116 espécies conhecidas! Ainda vai ficar com medo?

Observando então sua natureza, podemos relacionar seu papel no meio ambiente.
Pela maioria ser insetívora, eles fazem uma enorme diferença, se alimentando de muitos insetos que podem constituir pragas agrícolas e vetores de doenças. Se não fossem pelos morcegos, o gasto com inseticidas nas plantações aumentaria em enormes proporções! Um simples morceguinho pode ingerir 500 insetos por hora, podendo chegar a 3.000 insetos por noite! Imagina se os morcegos não existissem?! Sendo assim, funcionam muito bem como controle biológico.

E não pára por aí, os morcegos frugívoros também auxiliam na dispersão de sementes, pois ao se alimentarem dos frutos, deixam cair suas sementes dispersando as espécies de plantas. Esta característica deles é muito importante para recuperar florestas degradadas. Os morcegos também são ótimos polinizadores (6,5% de todas as espécies polinizadoras), muitos se alimentam de néctar, levando consigo grãos de pólen e ajudando na manutenção de muitas espécies! Há espécies vegetais que evoluíram e permitem apenas que determinada espécie de morcego as polinize.
Muitas espécies de plantas polinizadas por morcegos são de importância econômica, sendo utilizadas como alimentos e remédios.

Por serem sensíveis a mudanças ambientais, os morcegos são ótimos bioindicadores, ou seja, seres vivos capazes de indicar se algo está prejudicando o ambiente. A partir desta análise, é possível tomar medidas que contribuam para a preservação ambiental.
A maioria dos morcegos vivem em cavernas, e ao excretarem neste ambiente, depositam nutrientes que permitem a sobrevivência de outras espécies neste habitat. As fezes dos morcegos ainda podem ser utilizadas como adubo agrícola, e enzimas de bactérias presentes nelas ainda têm a capacidade de destoxificação (processo biológico que reduz impactos negativos de toxinas para o metabolismo corporal) de resíduos industriais, podendo os componentes das fezes ainda serem utilizados para a fabricação de inseticidas naturais, detergentes entre outros.
Graças aos morcegos e aos golfinhos foi possível a construção de sonares e radares.
E a saliva dos morcegos hematófagos é muito utilizada em pesquisas para fabricar remédios para doenças cardiovasculares, que são as que mais causam morte no mundo. Isso ocorre graças as propriedades anticoagulantes da saliva.
Sobre a raiva, os morcegos sim a transmitem, mas só é perigoso em locais onde a doença é endêmica, porém, na maioria dos lugares, os maiores transmissores da raiva ainda são cães e gatos.

Podemos ver então que os morcegos são fundamentais para o equilíbrio ecológico de nosso planeta, e devemos muito a eles por contribuírem com nosso sustento. Sendo assim, é totalmente inadmissível que se faça algo contra eles por qualquer tipo de preconceito. Vamos respeitá-los!

Morcego insetívoro

Morcego insetívoro

morcego frugivoro

Morcego frugívoro

morcego frugivoro02

Morcegos frugívoros

morcego hematofago

Morcego hematófago

morcego nactarivoro01

Morcego nectarívoro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s